Como criar narrativas com alto potencial emocional com Stories

As imagens têm o poder de inspirar, criticar, motivar e mudar percepções. Podem ser uma poderosa ferramenta de branding e inovação que conecta o consumidor aos valores intangíveis da marca e também pode ser uma ferramenta interna eficaz que motiva os colaboradores da empresa em uma nova visão ou causa compartilhada.

Dada a abundância de imagens criadas diariamente, fico me perguntando, e se as imagens fossem usadas na co-criação de estratégias e significado compartilhados? Na minha experiência, vejo que o processo de inovação é potencializado quando parte e é motivado por um propósito pessoal ao invés meramente do trigger de gerar ideias.




Quando as pessoas visualizam o propósito de suas intenções de inovação com imagens, elas co-criam voluntariamente representações compartilhadas. Ao usar Stories como meio de engajamento, criamos representações visuais compartilhadas que revelam como entendemos o mundo. Essas construções mentais encorajam um compromisso comum de agir, passando de líderes individuais para liderança como uma comunidade. Se pudermos explorar o poder das imagens para mobilizar a ação coletiva, talvez possamos abrir novas maneiras de engajar as pessoas para transformar situações existentes em situações preferidas.

Há anos, os profissionais de marketing sabem do potencial das imagens para evocar emoções e influenciar o comportamento. A diferença hoje é que a alegria de criar se democratizou. Se as pessoas estão engajadas quando capturam, compartilham e reagem às imagens, que oportunidades esses comportamentos abrem para aqueles que acreditam no poder das imagens para inspirar, mobilizar e até transformar?


Com a intenção de inovação, as imagens podem envolver as pessoas criando novos significados compartilhados. O uso de imagens para engajamento e construção de narrativas e estratégias mais emocionais e humanas abre uma nova perspectiva de transformação. No contexto de hoje, onde a aceleração digital precisa de mudanças enquanto converge para uma direção compartilhada porque o significado precisa ser criado com os outros, essa abordagem pode guiar uma nova onda de liderança e mudança. Ao usar imagens podemos trazer mais facilmente temas humanos e emoções para o centro da conversa.

O uso de imagens para criação de significado compartilhado

Para explorar essas questões, vamos examinar os pilares fundamentais da experiência humana – significado, cognição e comunidade – e o papel que a representação desempenha em cada um. O significado é onde tudo começa. O psicólogo Victor Frankl expôs como o significado é um motivador básico de quem somos como humanos. O significado nos dá sentido na vida, um propósito para nos capacitar a superar desafios. As imagens sempre desempenharam um papel importante no atendimento dessa necessidade. Por exemplo, uma imagem de um cuidador e criança evoca os conceitos muito significativos de família, paternidade e até mesmo vida. Uma imagem de um sol poente sobre uma praia evoca uma sensação de tranquilidade, admiração e maravilha da natureza. Victor expõe a experiência do significado como um gatilho para se tornar “consciente do que pode ser feito sobre uma determinada situação… e mudar a situação de forma criativa”.

Com a multiplicidade de representações externas de nossas construções mentais internas disponíveis hoje, como exemplificado por trilhões de imagens online, as possibilidades de significado também são ilimitadas. No entanto, apesar do constante desafio de comunicação entre mundos pessoais incomensuráveis, nós humanos somos de alguma forma capazes de satisfazer nossa necessidade básica de interagir com os outros. Na verdade, passamos a maior parte do nosso tempo buscando entendimento compartilhado.

Tendo isso em mente, Sincera Space inseriu na formatação de Stories uma forma sobre como podemos engajar as pessoas para co-criar significado compartilhado e conexões emocionais a partir do uso de imagens para construção de narrativas mais significativas para marcas.

O core de Stories

Tanto as cartas com temas humanos, quanto as cartas com imagens tem a função de estimular e desencadear o potencial criativo nas pessoas, sendo também utilizadas como meio de comunicação e expressão de ideias.

Seja num workshop de estratégia, numa co-criação de novos produtos ou num contexto de imersão e pesquisa com consumidores, a estrutura de Stories possibilita extrairmos um alto potencial subjetivo e abstrato das pessoas, indo para além da superfície, para termos conversas e reflexões mais profundas e ricas de conteúdos emocionais.

Quando atingimos esse nível, mais profundo e rico de sentido, conseguimos sair do lugar comum e direcionar as conversas e construções para territórios mais autênticos e valiosos, sobretudo sob a perspectiva das pessoas.


 

Stories é a ferramenta para criação de narrativas significativas para marcas. Por meio de cards com imagens e temas humanos, estimulam a geração fácil de narrativas com alto potencial criativo e emocional.